Ene Indústria

A Importância da Formação nas Empresas

Ene Indústria

Nunca a importância da formação profissional foi tão evidente como nos tempos atuais, tanto para quem emprega como para os próprios colaboradores das organizações.

Os benefícios são vários, desde o aumento da produtividade e rentabilidade dos colaboradores, atualização de reciclagem de conhecimento, até a uma maior preparação para as exigências do mercado.

Depois de muitos anos sendo bastante desvalorizada, atualmente os benefícios da formação profissional são cada vez mais reconhecidos. Ao longo deste artigo iremos referir algumas vantagens, não só para as empresas, como também para os próprios colaboradores.

A importância da formação profissional na sociedade atual.

O conhecimento e as competências adquiridos ao longo do processo de formação são cada vez mais valorizados, sendo que os colaboradores ficam habilitados para contextos profissionais mais exigentes onde a inovação, a criatividade, a competitividade e a necessidade de mudança são uma constante.

Neste sentido, a formação profissional deverá ser sempre encarada como uma oportunidade de evolução, que acaba por levar à execução de um trabalho de excelência, contribuindo assim, não só para a valorização pessoal do colaborador, como também para o desenvolvimento e a diferenciação da organização, tão necessários na realidade atual.

Um mercado em constante evolução e mudança, principalmente devido à Era Digital, exige que, tanto as organizações como os seus integrantes, estejam preparados para os desafios da atual sociedade.

As novas exigências resultam de implicações sobre as qualificações e consequentemente sobre os sistemas de ensino-formação, decorrentes da rápida introdução de novas tecnologias, das mudanças organizacionais, da mundialização dos mercados e as consequentes alterações das condições de produção.

As mudanças organizacionais pressupõem trabalhadores com competências múltiplas e multidisciplinares; com qualificações e competências sociais, nomeadamente a capacidade de cooperação e trabalho de equipa, de comunicação, criatividade, flexibilidade, autonomia, capacidade de resolução de problemas, capacidade para elaborar sínteses e processar a informação para adaptação ao problema a resolver, atitude profissional e desejo pela qualidade, entre outras.

Porquê investir na formação dos seus colaboradores?

No dia-a-dia das organizações a formação tornou-se imprescindível. Antigamente, os profissionais de Recursos Humanos consideravam a formação como um meio para adequar a pessoa ao cargo e, dessa forma, desenvolver a força de trabalho da organização.

Atualmente este conceito foi ampliado, a formação também é vista como um meio de promoção do bom desempenho do cargo, formar o colaborador para que ele possa executar as tarefas mais específicas que o cargo exige, desenvolvendo competências que tornem o capital humano mais produtivo, criativo e inovador contribuindo para os objetivos da organização.

A formação pode e deve ser vista como uma fonte de lucratividade, sempre na perspetiva de investimento e não de gasto. Ao investir em pessoas, o capital intelectual da empresa aumenta e acaba por contribuir efetivamente para os resultados da organização. Assim, a formação agrega valor não só aos colaboradores, mas também à organização e aos clientes

Formação ou Desenvolvimento?

A confusão entre Formação e Desenvolvimento é uma realidade, pois embora estes dois procedimentos apareçam quase sempre juntos, eles não são a mesma coisa.

A formação é conduzida no presente, mantendo o foco no cargo atual que se ocupa, para que o colaborador ganhe competências de imediato, que irão ajudá-lo a desempenhar adequadamente a sua função atual.

Já o desenvolvimento está direcionado para o futuro, para desenvolver competências que o colaborador irá precisar num futuro cargo e nas suas futuras funções.

Vantagens da Formação nas Empresas.

* Incrementa a produtividade e rentabilidade;
* Reaviva e atualiza conhecimentos;
* Diferencia profissionais;
* Favorece a inserção profissional;

É importante ressalvar que a área da formação contínua, seja apurada por acordo ou não entre as duas partes, deverá condizer com a atividade profissional prestada pelo trabalhador.

Direitos e Deveres do Colaborador e da Empresa.

Na verdade, a formação é um direito do colaborador e um dever da empresa.

A formação profissional sendo de extrema importância para os colaboradores, deve ser assegurada por todas as empresas.

A Formação Profissional é segundo o Sistema Nacional de Qualificações, a formação que visa dar aos colaboradores as competências adequadas para exercerem qualquer atividade profissional.

A lei determina que a entidade empregadora assegure formação profissional a pelo menos 10% dos seus trabalhadores.

No domínio das relações laborais, a formação profissional é do interesse de ambas as partes, uma vez que, por um lado, permite à empresa um aumento de produtividade e de competitividade e, por outro, ao trabalhador aumentar e melhorar a sua qualificação e nível de empregabilidade.

Assim, o Código do Trabalho consagra, de forma expressa, o dever de o empregador contribuir para a melhoria do nível de produtividade do trabalhador, designadamente proporcionando-lhe formação profissional e contínua.

Segundo um estudo recente da Salesforce, é revelado que 94% dos profissionais valoriza a formação oferecida pela empresa e que se manteriam mais tempo numa empresa se esta investisse na sua formação.

Estamos todos cada vez mais conscientes de que é vital aprender ao longo de toda a carreira, não apenas pelos avanços tecnológicos que nos mantêm atualizados, mas porque podemos sempre melhorar algum aspeto (pessoal/profissional), nem que sejam as nossas competências de uma determinada língua estrangeira, ou soft skills específicas, ou a potencialização das nossas capacidades de comunicação ou apresentação para clientes.

A aprendizagem ao longo da vida também nos permite manter ativos, valorizados e interessados em novas competências. Permite ter e partilhar as nossas experiências com o outro semelhante e assim aprimorar as nossas capacidades e competências.

Trabalhamos em prol da formação profissional e da valorização dos profissionais de vários setores. Destacamo-nos como um parceiro de excelência, em que a qualidade é o principal objetivo a atingir, uma vez que acreditamos que a qualificação dos recursos humanos é a base para a crescente competitividade das empresas e dos setores em geral, que tão afetados têm sido pelos efeitos da pandemia e, mais atualmente, pela Guerra na Europa.

Faça com que seus colaboradores se destaquem, incentivando-os a adquirir novas competências!

Fale connosco!

Partilhar
  • Deixe uma mensagem
    Tenho Conhecimento e aceito a Política de Privacidade.
    Autorizo o Tratamento de dados pessoais para fins de envio do meu comentário relacionado com esta notícia.